#monetize

para não perder sua conta

Conheça os termos do Instagram para não violar suas políticas

15/02/22
Estrela

Sabe aqueles termos de uso que todas as redes sociais têm, mas que ninguém lê? Pois bem: se você trabalha como influenciador, não dá pra ser igual a todo mundo. Você precisa ficar de olho nesses termos para proteger seu trabalho.

Ter uma conta desativada é uma das piores coisas que podem acontecer com quem trabalha na Internet. Isso pode significar perder todos os seguidores, todo o conteúdo já publicado e ter que basicamente recomeçar a carreira “do zero”. Em muitos casos, conhecer os termos de uso da plataforma pode evitar esse tipo de problema.

Mas a gente sabe que aquele textão todo é chato e confuso. Por isso, para te ajudar a ficar por dentro dos termos de uso do Instagram, separamos algumas das mudanças mais recentes e importantes para ficar de olho nos termos de uso do Instagram.

Seta

1. Não exatamente iguais, nem totalmente diferentes

A empresa Meta é dona de três das principais redes sociais utilizadas no Brasil: Facebook, Instagram e o aplicativo de mensagens Whatsapp. Por serem produtos da mesma empresa, faria sentido considerar que os termos de uso dos três seriam iguais, não é mesmo?

Mas seria muito fácil se fosse assim.

Na verdade, cada plataforma conta com regras próprias; se você trabalha com todas, precisa conhecer os termos de todas. Mas, como nem tudo é justo, o mesmo não vale para punições: por exemplo, caso você publique algo ilegal no Facebook, isso ainda pode acarretar em uma punição também nos seus perfis do Instagram e do Whatsapp.

Portanto, se você usa todas estas redes, precisa tomar cuidado com o que faz em cada uma delas. Talvez um deslize cometido no Facebook acabe prejudicando seu Instagram também.

Seta

2. Denúncia não é um “deslike”

Muita gente usava a ferramenta de denúncias do Instagram como uma espécie de ferramenta de deslike, ou como parte de uma estratégia para tentar sabotar desafetos, ou prejudicar conteúdo do qual não gostava.

Mas isso vai acabar. Uma das mudanças mais recentes nos termos de uso do Instagram diz respeito justamente a esse uso indiscriminado da ferramenta de denúncias.

Agora, o Instagram vai punir quem enviar denúncias que sejam propositalmente incorretas. Portanto, só denuncie alguém quando a pessoa de fato estiver infringindo alguma regra da rede social.

As punições para quem denunciar sem motivos justos serão severas, podendo chegar até mesmo a uma conta desativada.

Seta

3. Respeite o copyright - do Instagram e de terceiros

O Instagram sempre foi bastante competente em proteger os direitos autorais de conteúdo terceiro – cenas de filmes e seriados, ou trechos de músicas, por exemplo.

Postar conteúdo de outras pessoas em grande quantidade – uma música inteira, ou uma cena completa – pode ser entendido como pirataria pelo algoritmo, gerando reações que podem ir de um post bloqueado até uma conta desativada.

Com sua última atualização dos termos de uso, o Instagram passou a proteger também seus próprios direitos autorais: agora é proibido, por exemplo, usar de engenharia reversa para tentar encontrar elementos escondidos no código do app.

Essa prática era muito comum em vários perfis de tecnologia, que “mineravam” o código do Instagram em busca de indícios de novas ferramentas que entrariam em versões futuras do aplicativo.

Se você é entusiasta desse tipo de conteúdo, é bom tomar cuidado não só para não produzi-lo, mas também para não compartilhá-lo. Passar para frente o que se pode considerar como informação sigilosa do aplicativo também pode ter como consequência uma conta desativada.

Seta

4. Uma ameaça fantasma

Você já ouviu falar em shadowbans? Esses “banimentos invisíveis” podem punir sua conta, mas sem te avisar nada a respeito.

Ao tomar um shadowban, seu conteúdo passa a ficar escondido: você continua publicando, mas o público que te segue não recebe notificações a respeito, nem vai topar com seu conteúdo no feed.

Para piorar, tomar vários shadowbans consecutivos pode tornar seu perfil suspeito, o que vai deixar os algoritmos do Instagram ainda mais “na sua cola”. E nesse caso, a tendência de tomar punições piores, como uma conta desativada, também aumenta.

Então como evitar um shadowban, se nem dá para saber que um deles aconteceu?

Primeiro, fique de olho nas suas métricas e nos resultados dos conteúdos que posta. Se um conteúdo especificamente teve resultados muito piores do que os outros, pode ser que ele tenha sido vítima de um shadowban.

Outra dica é tomar cuidado com as hashtags que usa. “Sextou”, “whatsapp” e “tiktok” são algumas das hashtags que podem causar shadowbans.

Algumas punições são feitas por motivos de segurança (“sextou”, por exemplo, era uma hashtag utilizada por grupos que compartilhavam conteúdo ilegal e explícito).

Outras são por motivos mercadológicos mesmo (daí o banimento para “tiktok”, principal concorrente do Instagram).

Em todo o caso, vale ficar de olho e se manter sempre atualizado sobre quais termos são mais arriscados de gerar shadowbans – evitando usar destes termos sempre que possível.

Fashion pretty woman taking photo self portrait on smartphone

E aí, curtiu?

Tá a fim de ler mais conteúdos que nem esse? Confere todos os posts na nossa editoria!
#monetize

veja mais

Este site usa Cookies! Cookies Icon

nós armazenamos dados temporáriamente para melhorar sua experiência de navegação e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços você concorda com tal monitoramento. dúvidas? leia nossa politica de privacidade