#mitou

saúde mental

Burnout: precisamos falar sobre saúde mental

15/02/22
Estrela

Você sabe o que é “burnout”? Explicando de forma simples e direta, trata-se de um momento em que alguém termina em estado de exaustão, após um longo período que passou desrespeitando algum de seus limites.

Num momento de burnout, a pessoa não tem mais escolha entre parar ou não – ela simplesmente vai parar, incapaz de seguir em frente. Às vezes, o burnout pode vir inclusive associado a outros problemas de saúde, como enxaquecas e até palpitações.

A cultura de trabalho do mundo digital não é exatamente saudável e costuma exigir muito de todos que trabalham nela.

Por isso, mais do que nunca e principalmente para influenciadores digitais, é fundamental entender o que é o burnout e quais são os seus riscos, bem como os melhores jeitos de se cuidar para evitar esse tipo de problema.

Seta

1. Como um burnout começa e como lidar com ele?

Desrespeitar seus limites e sua saúde: esse é o principal motivo que leva pessoas a entrarem em situação de burnout, quando passam a viver numa rotina que cotidianamente desrespeita seus limites mentais, emocionais e até corporais.

Viver dessa maneira pode parecer possível durante algum tempo e talvez não fosse dar em nada se acontecesse durante só um ou dois dias, muito raramente.

O problema é que esse modelo não é sustentável a longo prazo, quando se torna um hábito. Aos poucos, uma bola de neve começa a se formar e, se as atitudes não mudam, o burnout chega como um freio de mão que obriga a pessoa a repensar a maneira como está vivendo.

E quando esse burnout chega, não dá para simplesmente esperar passar e depois tentar voltar a viver exatamente como vivia antes – se fizer isso, é possível e até provável que um novo burnout aconteça uma hora ou outra, talvez até mais grave do que o primeiro.

Lidar com o problema é repensar a maneira de cuidar da saúde, do sono, da alimentação – e sim, também do trabalho. É impossível lidar com um burnout sem repensar a maneira como se está trabalhando, já que a maior parte dos episódios de burnout são desencadeados exatamente por pressão profissional.

Um burnout é um ultimato final do seu corpo, uma exigência por mudanças drásticas. É hora de viver a vida de uma nova maneira mais saudável.

Seta

2. Como evitar?

As dicas para evitar um burnout são parecidas com aquelas dadas a quem já sofreu com um e está tentando mudar, embora possam ser menos drásticas. Basicamente, você precisa saber reconhecer e respeitar seus limites.

Isso inclui intercalar o trabalho com momentos de descanso, por exemplo. E também envolve se alimentar direito, fazer exercícios físicos e no geral cuidar bem da sua saúde, reservando um tempo do seu dia para isso como algo da rotina, não como uma exceção ou algo que pode ser sacrificado pelo trabalho.

Não dá para manter um ritmo acelerado para sempre – evitar um burnout também é sobre saber se observar e entender como está sua rotina: você está entregando ou se cobrando demais ultimamente? Se sim, é hora de implementar mudanças.

Seta

3. Tive um burnout, e agora?

Agora, é hora de começar a viver de uma nova maneira. O processo com certeza vai ser difícil e envolve concessões, mas quanto mais rápido você começar, melhor.

A primeira coisa e talvez a mais delicada a se considerar é a questão profissional. Talvez você esteja trabalhando muito porque precisa muito do emprego agora e não acha que pode conseguir outro, por exemplo. Nesse caso, vale já ir tentando diminuir o ritmo e talvez começar até a procurar outra coisa.

Mas pode ser também que o problema nem seja a empresa, mas a sua cobrança consigo mesmo: nesse caso, você vai ter que reaprender o quanto pode cobrar e exigir de você e estabelecer uma nova relação com suas entregas e com seu trabalho.

No caso de um influencer, por exemplo, normalmente o seu chefe é você mesmo – a pressão por algoritmos, métricas, engajamento etc. não pode passar por cima da sua saúde mental.

Fora as “grandes mudanças”, pequenos hábitos podem também fazer uma mudança enorme. Meditar, por exemplo, é um hábito fácil de implementar e que faz uma diferença enorme. No começo, pode ser um pouco difícil tentar “desligar a cabeça” e ficar algum tempo sem fazer absolutamente nada, mas com o tempo e a prática a situação vai melhorando.

Uma outra dica que pode parecer fácil, mas que é fundamental: saber a hora de desligar a cabeça e parar um pouco de pensar no trabalho. No caso de influencers, isso é particularmente difícil, principalmente porque as barreiras entre a vida profissional e a vida pessoal costumam ficar bastante borradas nesses casos.

Por isso mesmo você precisa fazer um esforço consciente para separar pelo menos alguns momentos e dizer: isso aqui é meu tempo livre, em que não tenho a preocupação de produzir, postar, responder, gerar engajamento, interagir, nem nada do tipo.

Seu trabalho como influencer pode ser a coisa mais legal do mundo – mas ele não pode engolir sua vida inteira.

Aliás, quer jeito melhor de entender o que não é “tempo de trabalho” do que tirar umas férias? Um burnout que aconteceu – ou que você teme que aconteça – pode ser um bom motivador para tentar tirar férias de verdade e passar um tempo distante de todos os problemas do dia a dia.

Assim, fica mais fácil voltar com energias renovadas para um novo ciclo na sequência – trazendo também alguns bons momentos de descanso e de lazer para o seu dia a dia.

Photo of stylish trendy cheerful curly wavy model gorgeous sweet charming girlfriend thumbing up symbol smiling toothily approving something wear t-shirt isolated yellow bright color background

E aí, curtiu?

Tá a fim de ler mais conteúdos que nem esse? Confere todos os posts na nossa editoria!
#mitou

veja mais

#você viu?

  • #mitou

    Produção de conteúdo digital: como se diferenciar para continuar no topo?

    Mulher gravando um vídeo com o violão
  • #mitou

    Como não ser cancelado na era da cultura do cancelamento?

    Mulher branca gravando vídeo com microfone
  • #mitou

    Burnout: precisamos falar sobre saúde mental

    Mulher negra gravando com o celular
  • #mitou

    Aprenda com quem chegou lá! Quais os conselhos dos influenciadores digitais de sucesso

    Mulher se alongamento na frente do computador
  • #mitou

    Como se manter no topo?

    mulher loira com celular e ícones de redes sociais
  • #mitou

    Haters nas redes sociais: quem são e as maneiras de lidar com eles

    Lidar com haters nas redes sociais